Pensando em vir pra Bombinhas e aproveitar alguns dias para conhecer um pouco das principais atrações turísticas culturais da cidade? Bombinhas possui uma cultura riquíssima, com influência de dois principais povos, os índios e os açorianos que colonizaram a região. Então se você quer saber por onde começar a montar o seu roteiro cultural em Bombinhas, esse texto é perfeito para você.  

Museu Comunitário Engenho do Sertão 

Com o objetivo de preservar objetos e saberes da colonização açoriana em Bombinhas, em 1998, foi criado o Instituto Boimamão de Preservação e Fomento da Cultura. O espaço tem um acervo de objetos da época dos engenhos de farinha em Bombinhas, e guarda traços da colonização por meio do folclore e costumes da região. 

Durante a visita é possível experimentar a concertada, uma bebida típica bombinense, mistura de cachaça, café e outros ingredientes locais.  

O Museu Comunitário Engenho do Sertão, está localizado no bairro do Sertãozinho e é aberto para visitação, para mais informações, clique aqui

Festa de Nossa Senhora dos Navegantes
procissão de Nossa Senhora dos Navegantes

Festa de Nossa Senhora dos Navegantes 

Passando por Bombinhas no começo de fevereiro? Que tal acompanhar a Procissão de Nossa Senhora dos Navegantes, a padroeira da cidade. No dia 02 de fevereiro de todos os anos, a programação cultural em Bombinhas é recheada de atrações turísticas para os visitantes, desde celebrações religiosas, almoço festivo para a comunidade até a procissão marítima. Se você estiver na praia de Bombinhas ou Bombas, vale a pena presenciar esse acontecimento que reúne diversas embarcações locais que levam a imagem da santa. 

Museu de História Natural Charles Darwin 

No caminho para a praia da Tainha, você encontra o Museu de História Natural Charles Darwin. Inaugurado no final de 2014, essa atração turística da cultura de Bombinhas foi criada para divulgar os trabalhos e pesquisas de Charles Darwin sobre a evolução da vida no planeta Terra. 

O espaço reúne um grande número de exemplares de diversas áreas. Como arqueologia, arqueologia marinha, anatomia animal, geologia, moluscos e invertebrados terrestres e uma exposição inédita sobre baleias e golfinhos.  

Feiras de artesanato em Bombinhas
Feiras de artesanato em Bombinhas

Capela Nossa Senhora da Imaculada Conceição 

Essa pequena e aconchegante capela fica localizada no alto do morro entre o bairro do Centro e Bombas. Construída em 1928, o local guarda uma história de quase 100 anos. Foi construída pela comunidade local. 

A Capela Nossa Senhora da Imaculada Conceição possui uma história inusitada. Dois anos após sua inauguração ela foi atingida por um raio, alguns anos depois, em 1952, foi novamente atingida por raios. Até que na década de 70, pela terceira vez, mais raios à atingiram e à deixaram completamente destruída. Hoje a capela se encontra em perfeito estado, já que foi reconstruída em 2009. 

Atrações turísticas culturais: Engenho do Miminho 

O Espaço Cultural Engenho do Miminho é um dos antigos engenhos de farinha de Bombinhas que hoje é utilizado como espaço para encontros culturais da comunidade, como a Tarde do Beijú e oficinas culturais. 

O espaço pertencia a uma das famílias tradicionais de Bombinhas, mas com a doação feita pela família em 2015, passou a fazer parte do acervo patrimonial da Fundação Municipal de Cultura de Bombinhas. Sua construção tem mais de 200 anos e junto com a doação, foi realocado para um novo local no bairro José Amândio. Durante as visitas é possível conhecer mais sobre o Miminho, sua família e como era Bombinhas antigamente. 

Atrações turísticas culturais

Atrações turísticas e costumes: Pesca Artesanal da Tainha 

Uma das tradições mais antigas de Bombinhas, a Pesca Artesanal da Tainha é parada obrigatória entre as atrações turísticas, se você estiver visitando a cidade entre maio e julho. Em quase todas as praias da cidade você encontra canoas e redes pelas praias. Essa prática é herança dos primeiros moradores da região, os índios, e com o tempo. Mas com a colonização açoriana, essa técnica foi aprimorada até chegar ao que conhecemos hoje. 

É importante estar atento aos detalhes. Se você ver os vigias no costão sinalizando para a camaradagem na praia, começa a parte mais eufórica de toda a pesca da tainha, o saragaço, é quando a canoa vai para a água e começa o cerco.  

Quando a canoa retorna para a areia, você pode participar desse espetáculo ajudando a puxar a rede até presenciar outro belo acontecimento da pesca, as últimas puxadas de rede. Quando todos tomam noção de quantas tainhas vieram no lance. Então é só esperar a contagem, e quem sabe você ganhe o seu quinhão, uma ou duas tainhas para levar para casa. 

Se você quiser saber mais sobre Bombinhas, acesse nosso outro texto sobre: O que você precisa saber antes de visitar Bombinhas.

Agora que você se interessou nas atrações turísticas culturais de Bombinhas, conheça a pousada Refúgio das Galés e solicite sua reserva. Venha para um verdadeiro refúgio para casais de frente para o mar na praia de Mariscal. 

Comentários